Terça-feira, 31 de Março de 2009

O jardim da Srª da Azinheira, um ecomuseu

Em tempos este espaço foi chão que deu uvas e delas se fez bom vinho. Comprado pela Junta de Freguesia, transformou-se neste lindo jardim, que se juntaram umas peças de museologia dispersas por vários locais da aldeia. O conjunto é harmonioso, bem conservado e agradável à vista, valorizando o nosso ex-líbris, Igreja Românica de Nossa Senhora da azinheira.

Por isso se passa neste espaço observe as diversas peças, carregadas de história, em especial a turbina de um moinho que fez muito pão e por certo matou a fome a muita gente.

Valorize a sua terra e desfrute dos bonitos jardins públicos e particulares.

 
 
sinto-me:
publicado por outeiroseco às 21:23
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 30 de Março de 2009

Pequenos contributos para uma terra mais bonita

As nossas desculpas por este breve interregno, mas razões profissionais e mesmo de ordem tecnológica, impediram-nos da ausência de notícias da nossa Terra.

Mas aqui estamos de novo, repletos de energia para vos informar e aproximar cada vez mais da nossa bonita aldeia. Pois bem. Aqui se mostra o chafariz principal, bem limpinho com os seus peixinhos, devendo-se este trabalho ao Rui Garcia que vem sendo ele, quem, ao longo de alguns anos, cuida de uma forma exemplar deste bonito património.

Também as grades do Pontilhão do Caleão e da Rua Central, foram pintadas de outra cor, no sentido de variar e quem sabe alegar os adeptos de clubes dessa cor para a expectativa de um final feliz.

Já o Polidesportivo começa a ter a configuração final que a Junta de Freguesia lhe  pretende dar. O arranjo tradicional da fachada, as novas bancadas e a electrificação dos balneários e salão, esta a cargo da Autarquia, onde o nosso conterrâneo Nuno (do Belchior) está a dar uma excelente ajuda, quer na instalação quer em formas mais económicas de se concretizar o projecto.

Como residente um muito obrigado ao Rui  e ao Nuno pelas colaborações prestadas.

A sempre bonita e histórica rotunda do “Pai Carvalho”, admirando serenamente as obras do saneamento básico da nova Etar.

Outras transformações estão ocorrendo na nossa linda localidade, com destaque para a preparação da Corrida da Páscoa, este ano internacional. Consultar página da Casa de Cultura de Outeiro Seco. A todos um bom dia e não se esqueçam de colaborar com o Blog enviando fotos e um pequeno texto. Bem hajam todos

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 13:51
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 26 de Março de 2009

Rotunda da Zona industrial (antiga)

Esta Rotunda situa-se no cruzamento da Avª da Cocanha (que separa Outeiro Seco de Stª Cruz Trindade) e a Rua de Santa Ana. Portanto está situada no limite Outeiro Seco / Santa Cruz e foi colocada há mais de 15 anos em simultâneo com outras espalhadas pela cidade. O design deve-se a um concurso de ideias realizado na altura e  a contestação foi geral sobre a arquitectura de todas, havendo opinião positiva sobre algumas. De facto a manutenção do envolvente em nada as tem dignificado, pois a manutenção é sempre muito complicada.

Recentemente esta rotunda foi requalificada e parece merecer o agrado de todos, sendo a sua durabilidade maior. Outeiro Seco orgulha-se de ter na sua envolvente as rotundas mais bonitas da cidade, lembrando aqui as rotundas da nova Zona Empresarial, rotunda das Chaves e Rotunda do Pai Carvalho. Falta apenas a rotunda do campo de futebol.

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 21:58
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Março de 2009

Bicentenário do Cerco e tomada de Chaves com a presença do Dr Cavaco Silva

Para comemorar esta efeméride a Câmara Municipal de Chaves e O Regimento de Infantaria 19, elaboraram um vasto programa com destaque para as cerimónias ocorridas no Largo de Nossa Senhora da Lapa: Continência das Forças em Parada; Inauguração do Monumento ao General Silveira, cerimónia aos mortos, alocução das entidades e desfile das Forças em Parada. A presença do Presidente da República, Dr Aníbal Cavaco Silve, o Chefe de Estado Maior do Exercito e todos os Presidentes de Câmara do Alto Tâmega para além de uma moldura humana significativa, abrilhantada pelos alunos do Pré-escolar e 1º Ciclo.

As fotos documentam os acontecimentos ocorridas hoje de manhã, no local referido e uma foto antiga das comemorações há 100anos.

Outeiro Seco teve um papel activo nesta intervenção, onde ocorreram algumas batalhas.

 

“Em Março de 1809, as tropas francesas comandadas pelo General Soult invadiram Portugal pela segunda vez entrando por Chaves, depois de bastante resistência por parte das nossas tropas estacionadas na então Vila, acabaram por tombar perante o poderio do inimigo. Esse acontecimento é considerado como uma das páginas mais importantes da História de Portugal e de Chaves.”

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 21:41
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 24 de Março de 2009

Os "morrões" dos pinheiros

Trazemos hoje uma temática que pretende ter um cariz pedagógico, alertando para a relação que devemos manter com uns bichinhos muito comuns na nossa terra, ruralmente  designados por  “morrões dos pinheiros” mas cuja explicação seguinte elucida sobre a sua origem e perigos.

A Thaumetophoea  pityocampa, vulgarmente  conhecida como  Lagarta do Pinheiro ou  processionária  é uma espécie com grande impacto negativo  em animais em pessoas bem como nos próprios pinheiros, de que é uma praga considerada das mais destrutivas para os ditos. Encontra-se muito vulgarmente em Portugal devido à presença dos pinheiros nas nossas manchas florestais   
Esta praga, além do pinheiro bravo, ataca igualmente outros pinheiros: o silvestre, o laríceo, o manso, o insigne, e o pinheiro de alepo, assim como Cedrus Atlântica, Cedrus Deodara e Cedrus do Líbano, como foi comprovado em matas nacionais. Esta lagarta encontra-se disseminada por todo o País, não sendo raro observarem-se os seus estragos em qualquer região de pinhal. Até nas grandes altitudes, o que para certas pragas e doenças constitui uma barreira, iremos encontrar a "processionária" a viver normalmente.

Entre Janeiro e Maio, as processionárias abandonam o pinheiro  para  se enterrarem no solo, na sequência do seu ciclo de desenvolvimento. Deixando o seu hospedeiro em fila como uma procissão (daí o seu nome) dirigem-se em direcção ao solo onde irão continuar o seu desenvolvimento. Entre Agosto e Setembro nascem as lagartas propriamente ditas que se  agrupam em ninhos na copa dos pinheiros, de forma a manter o calor e de onde saem à noite, ligadas por um fino fio de seda que utilizam para regressar ao ninho após as suas saídas. Estas lagartas  possuem 8 receptáculos com cerca de 100.000 pêlos urticantes. A lagarta ao mover-se abre estes receptáculos libertando milhares destes pêlos e aumentando a  possibilidade de intoxicação de um animal ou de uma pessoa que entre em contacto com eles. Os pêlos agem como  agulhas, injectando as substâncias tóxicas na pele ou mucosas. Os cães,   devido a cheirarem  ou morderem as lagartas movidos por curiosidade natural e as crianças por brincadeira, são os principais afectados,   na cabeça em especial, olhos, mucosa oral e muito geralmente a língua. Caso tenha pinheiros em casa ou nos arredores deve ter em conta que o problema que afecta o seu cão pode dever-se a esta situação. A necrose (morte) dos tecidos ocorre  geralmente e  a sua gravidade em alguns casos leva a que a única alternativa para o animal seja a eutanásia pois será impossível a sobrevivência com um mínimo de qualidade de vida.

As crianças como já referimos podem também ser afectadas gravemente pela lagarta do pinheiro. Caso detecte ninhos em pinheiros de sua propriedade, estes  deverão ser destruídos. De forma alguma deve entrar em contacto com eles e deve usar luvas protectoras e máscara. Os ninhos devem ser queimados com os cuidados necessários para evitar incêndios e  deve colocar-se para que os fumos da combustão não o atinjam pois são igualmente tóxicos.

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 22:09
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Março de 2009

Via sacra e assaltos

 

 

Na passada semana ocorreram em Outeiro Seco dois acontecimentos dos quais aqui damos registo. O primeiro foi o assalto à capela da Nossa Senhora do Rosário, e à igreja da Sra. da Azinheira, donde felizmente foram apenas arrombados os petos e retirado o dinheiro aí existente. O segundo, foi a via sacra da catequese, realizada no nosso belo calvário, agora mais bonito após a recente requalificação. Nesta via sacra incorporaram-se apenas os catecúmenos e catequistas. Curiosamente, e apesar de parecer não haver qualquer relação entre uma coisa e outra, simbolicamente até o há, senão vejamos: As três cruzes do calvário simbolizam o quê? Jesus Cristo e os dois ladrões que com ele foram crucificados. Ora como está escrito na bíblia, um dos ladrões mostrou arrependimento na hora da crucificação. Oxalá esse mesmo arrependimento aconteça também com os assaltantes do nosso património religioso, e por maiores que sejam as motivações e desespero para praticarem este acto, nada o justifica que seja perante um património público e sobretudo religioso, pois algum dele foi oferecido sabe-se lá com que sacrifício e dor na altura da sua oferta.

Infelizmente temos que conviver com esta fenómeno social, que tal como se vê na via sacra, nos acompanha através dos tempos. Cabe-nos a todos mas aos responsáveis em especial, preservar esse património para isso é necessário fazer a prevenção possível, quer reforçando os meios de segurança das instalações, mas também segurar os bens mais valiosos para que em situações destas podermos ser ressarcidos. 

 
Nuno Santos     
sinto-me:
publicado por outeiroseco às 20:54
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Domingo, 22 de Março de 2009

O belo aumenta a felicidade

Hoje Domingo, um dia bonito de sol foi propício a ficar por casa e admirar a floração das cerejeiras, a observar as abelhinhas a polinizar e a imensa variedade de passarinhos que coabitam neste ambiente rural. Os meus guardiões sempre por perto, a fazer uma boa companhia.

De facto muito tranquilizante para se viver, onde felizmente já se pode respirar um ar puro. Espero que todos tenham passado um bom Domingo, e cheios de energia para enfrentar uma nova semana.

Apelamos que nos enviem as vossas fotos, com um pequeno texto, sobre temas de interesse para a humanidade….sem problemas nem conflitos…queremos contribuir para um mundo de amor, paz e harmonia.

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 22:58
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Sábado, 21 de Março de 2009

Casa de Cultura revive tradição da "Serrada da Velha"

Na semana passada decorreu, numa iniciativa da Casa de Cultura, a tradicional Serrada da Velha.

Em tempos antigos, os mais jovens rascavam latas junto das portas dos mais idosos, em sinal que estava na hora…e por vezes levavam com umas “penicadas”..enfim outros tempos outros costumes

Mais tarde chegou a realizar-se uma serrada mais elaborada, que terminou com um funeral.

Hoje continua a lembrar-se essa tradição e por isso estão de parabéns os promotores. Agradeço ao José Carlos o envio das fotos.

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 22:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Março de 2009

Obrigado Zé, Manuela e Vitor pela partilha

 

Obrigado ao Zé Pedro, Manuela Miranda e Vítor Afonso pelas bonitas flores que tiveram a amabilidade de enviar para alegrar o nosso Blog. Foi a resposta ao desafio lançado e este é um belo exemplo que gostaríamos de ver correspondido noutras situações. Assim seria mais interessante o intercâmbio com outros saberes, outras culturas e outros ambientes. Vamos lá. Todos podem ajudar a construir este Blog com mais intensidade, com maior interesse e ser construído por todos, podendo alargar fronteiras, vindas dos diferentes pontos do país e estrangeiro.

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 20:46
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 19 de Março de 2009

No dia do pai, a memória dos que já partiram

Hoje lembramos o dia dedicado aos Pais, 19 de Março, e demos um destaque aos que já nos deixaram. É em memória deles que aqui deixamos uma justa homenagem. A nossa personalidade e educação tem muito de genética mas também de relação e convivência.

Para todos os pais que já faleceram, mas também que os estão vivos, um dia muito feliz e que continuem a dar o seu melhor em prol da educação dos seus descendentes.

Um pouco de história, à volta deste tema:

O Dia do Pai tem origem na antiga Babilônia, há mais de 4 mil anos. Um jovem chamado Elmesu moldou em argila o primeiro cartão. Desejava sorte, saúde e longa vida a seu pai.[1]

Nos Estados Unidos, Sonora Luise resolveu criar o Dia do Pai em 1909, motivada pela admiração que sentia pelo seu pai, John Bruce Dodd. O interesse pela data difundiu-se da cidade de Spokane para todo o Estado de Washington e daí tornou-se uma festa nacional. Em 1972, o presidente americano Richard Nixon oficializou o Dia do Pai. Naquele país, ele é comemorado no terceiro domingo de Junho. Em Portugal é comemorado a 19 de Março. No Brasil, é comemorado no segundo domingo de Agosto. A criação da data é atribuída ao publicitário Sylvio Bhering, em meados da década de 50, festejada pela primeira vez no dia 14 de Agosto de 1953, dia de São Joaquim, patriarca da família.

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 21:19
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|

.Mais sobre mim

.E-Mail

outeiro_seco@sapo.pt

.Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Posts recentes

. Quem conhece as atletas d...

. Que 2007 traga tudo do me...

. A todos um bom Natal...a ...

. A minha era um pouco mais...

. Faleceu a Srª Eugenia Adr...

. Aleluia... tardou mas che...

. Homenagem aos Outeiroseca...

. Vamos todos aos Santos..a...

. Museu Alberto Sampaio - G...

. Ainda o São Miguel 2016.....

.Links

.Arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. desporto

. história

. património

. primavera

. aldeia

. cultura

. direitos e deveres

. igreja

. mundo

. todas as tags

.Pesquisar neste blog

 

.As minhas fotos

.Visitas


View My Stats