Terça-feira, 7 de Junho de 2011

O susto do Padre Dias

A população mais jovem da aldeia e que não mora no bairro do Penedo, não estará por certo familiarizada com o nome de Carneiro. Para eles, Carneiro será um animal de raça ovina, ainda que em Outeiro Seco, esteja quase em vias de extinção, comparado com o tempo em que houve na aldeia, mais de trinta rebanhos.

Este Carneiro a que nos referimos, é um grande quintal da família Dias Ferreira, antes apenas família Tenreiro Dias. É uma propriedade com alguma dimensão, composta por instalações de arrumos e terreno de cultivo donde colhiam de tudo para a casa, embora hoje, tal como acontece com grande parte dos terrenos desta freguesia, este quintal esteja de pousio.

Pelo Carneiro passaram muitas jovens em idade escolar, pois era aqui que a professora D. Maria Eugénia Ferreira Dias fazia a preparação suplementar, às alunas que se propunham ao exame de admissão à Escola e ao Liceu.

Era no Carneiro onde o Padre Albano Dias, um dos herdeiros da propriedade, e que após a sua resignação eclesiástica passava o seu tempo de lazer, especialmente no verão, sentando-se junto ao poço da bomba, à sombra de uma frondosa figueira.

Por essa altura vivia-se um período de pouca abundância em matéria de alimentação, e por contradição, as famílias eram muito numerosas. Assim chegando o verão época da fruta, os miúdos buscavam-na onde a houvesse, sem preservarem a sua propriedade. Era frequente ver pelos terrenos da veiga, barracas feitas de ramagens de árvores, onde os donos dormiam só para guardarem os melões e as melancias. Mas também viam-se árvores, como as cerdeiras (cerejeiras) silvadas, isto é, com um bardo de silvas onde terminava o tronco, impedindo assim que a garotada lá subisse.

Mas voltando ao Carneiro, um dia dois jovens por sinal moradores no bairro, vizinhos e muito amigos, o António Roxo e Carlos Martinho, planearam ir aos figos ao Carneiro. Vendo a área desimpedida, entraram pela eira do Redonda, e lá ficaram eles durante algum tempo em cima da figueira, a saciar-se com os belos figos de três ao prato.

A certa altura olharam para baixo e o que viram, o senhor Padre Dias sentado no lugar do costume, refastelando-se com a sombra da figueira.

Aflitos com a forma como se iriam desembaraçar da situação, aguardaram em silêncio durante algum tempo, na esperança que ele regressasse a casa. Como tal não acontecia e a hora dos seus afazeres se aproximava, como a figueira estava junto à parede que separava o Carneiro da eira do Redonda, pensaram em saltar directamente da figueira para a parede, e desta para o chão da eira.

Assim o pensaram e assim o fizeram, só que tal exercício, implicou um enorme barulho na ramagem da figueira e na parede, onde se soltaram algumas pedras.

Ora o padre Dias que, descansadamente dormitava debaixo da figueira, perante aquele reboliço acordou sobressaltado, fugiu em direcção a casa, nem levando bengala, onde habitualmente se apoiava.

Nuno Santos

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 19:52
link do post | comentar | favorito
|
23 comentários:
De Manuel ferrador a 10 de Junho de 2011 às 16:38
Caros amigos e amigas
O nosso amigo Nuno já deu provas que é um narrador de histórias com a qualidade de excelência, e confesso que sempre aguardei que da sua parte aparecesse um livro que venha a ser repositório dessasmemórias do passado, e que correm sério risco de desaparecerem. Sei bem que a sua actividade não lhe proporciona tempo de sobra para estas coisas, mas pensava que chegará a sua aposentação, e as coisas mudariam. Fico feliz pela disponibilidade já apresentada, o que significa que não vai aguardar pela situação que referi. Sou seu incondicional admirador, pela forma poética como descreve as situações. O seu livro vai ser um êxito, disso estou certo. Outeiro Seco terá bem mais Pinta.
De J.A.S FCP Nrº 102214 a 9 de Junho de 2011 às 21:39
MAIS UMA INTERESSANTE HISTÓRIA QUE O NOSSO AMIGO NUNO NOS CONTA...CONFESSO QUE ME ERA DESCONHECIDA...
AMIGO NUNO, NA PROXIMA EPOCA O TEU SPORTING IRÁ SER CAMPEÃO?...
OS SPORTINGUISTAS PASSÁRAM DE TRANQUILOS(À PAULO BENTO) PARA PACIENTES (À DOMINGOS PACIÊNCIA) PODE SER QUE COM PACIÊNCIA OS TITULOS CHEGUEM A ALVALADE!...
UM ABRAÇO!
De geno figueiras a 9 de Junho de 2011 às 19:32


9 de Junho

- de 1386. Ratificação do Tratado de Windsor, entre D. João I de Portugal e Ricardo II de Inglaterra.

- de 1746. Fernando VI e D. Maria Bárbara, filha D. João V, ascendem ao trono de Espanha
De Albertina a 9 de Junho de 2011 às 15:15
Vá lá Nuno, em frente com este desafio. Nós sabemos que vai sair uma coisa linda! Com o jeito que tu tens para narrativas....Cá estaremos para te apoiar. Um abraço amigo para ti e Celeste.

Ps. O abraço é extensivo a todos os amigos e amogas do Blog.
De vasco sobreira garcia a 9 de Junho de 2011 às 14:32
aí está mais uma idéia maravilhosa
altino também acho que ninguém tem condições ou jeito de contar ou relembrarcasos antigos como o nuno mãos à obra meu amigo abraço para todos vasco
De Lurdes a 9 de Junho de 2011 às 13:09
Olá amigos, bom dia pra todos!!!!!!

Nao tinha conhecimento desse dito...gostei! Força Nuno, estou segura que se te decidires vai ser um sucesso.

Amigos continuação de um óptimo dia! por estes lados mt calor e humidade.. lá vem as trovoadas again ;(
De Nuno Santos a 9 de Junho de 2011 às 10:58
Olá amigos,
Quero agradecer-vos os elogios aos textos publicados no blog, alguns dos quais, são já do conhecimento de uma vasta geração da aldeia, eu limito-me apenas a recontá-los. Quanto ao repto de escrever algo mais profundo, diz a sabedoria popular que um homem pode morrer em paz quando “escrever um livro, fazer um filho e plantar uma árvore” ora, já cumpri dois dos indicadores falta-me escrever o livro mas também é certo que não quero morrer tão cedo. Contudo prometo-vos que vou reflectir sobre o assunto, entretanto e até lá, outros textos serão publicados aqui no blog, com a complacência do seu administrador.
Um abraço,
Nuno Santos

De Lurdes a 9 de Junho de 2011 às 02:46
ahahaha miuda sorry cheguei mt late, ai bff que calor e tava la fora ao fresco, mas olha os mosquitos morderam toda..ai cada toutiço mulher!!!
Já tenho novo post sim...o pa isto tem de ser diario se nao o pessoal ate se esquece que existo hihihi
De leonor moreira a 8 de Junho de 2011 às 22:13
Está lá calada miúda, o Nuno já deve estar concentrado a escrever.
Ó prima Celeste, mete aí uma cunha ao teu marido.
Olha, recebe aí bjos aqui das miúdas.
leonor moreira

Lurdes, que achas? Saí-me bem no pedido?
Sabes que se não conseguimos entrar na porta, vamos pela janela.
Burreca, tens post novo ou nada ainda?
De Lurdes a 8 de Junho de 2011 às 21:00
O pá tu estavas mesmo a espreita pra ver se alguém vinha a qui e pimba aproveitas logo!
Ollhai que eu até já tinha mencionado isso, mas como ninguém faz caso do que eu parlipier ..bah mas nao vem ao caso.

Nuno bah decide-te lá rapido....ai BFF que calor esta é pá acho que estou colada a cadeira..... até já amigos(as)

Comentar post

.Mais sobre mim

.E-Mail

outeiro_seco@sapo.pt

.Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Posts recentes

. Quem conhece as atletas d...

. Que 2007 traga tudo do me...

. A todos um bom Natal...a ...

. A minha era um pouco mais...

. Faleceu a Srª Eugenia Adr...

. Aleluia... tardou mas che...

. Homenagem aos Outeiroseca...

. Vamos todos aos Santos..a...

. Museu Alberto Sampaio - G...

. Ainda o São Miguel 2016.....

.Links

.Arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. desporto

. história

. património

. primavera

. aldeia

. cultura

. direitos e deveres

. igreja

. mundo

. todas as tags

.Pesquisar neste blog

 

.As minhas fotos

.Visitas


View My Stats