Quinta-feira, 12 de Abril de 2012

Lagares de ouro ou de vinho

 
   
   
   

Durante anos e antes do advento da internet, líamos na enciclopédia Luso-Brasileira, no volume 14 página 940 sobre Outeiro Seco, o seguinte:

“Povoação e freguesia do concelho de Chaves, com 970 habitantes e 240 fogos. Situada a 5 km da sede do concelho. A antiga freguesia era um curato da apresentação da Mitra e passou depois a reitoria. Num local chamado Lagares, encontraram-se vestígios de antigas lavras mineiras efectuadas pelos romanos (havia na região minérios de ouro e prata, que foram muito explorados), além de moedas, restos de construções daquela época. Nesta freguesia encontra-se porventura o mais interessante monumento românico do extremo norte da província de Trás-os-Montes”.

Isso fez criar em mim uma convicção, de que Outeiro Seco, fora uma terra muito rica, medindo-se esse indicador na quantidade de igrejas e capelas que possui, servindo no passado para demonstrar a grandeza de uma terra. Eu que tinha um terreno ali perto, enquanto sachava os chícharros, até acalentava a esperança de que, num dia me saltasse alguma pepita, e se desencadeasse ali uma corrida ao ouro como aconteceu no velho Oeste, fruto da literatura que eu lia na época.

Porém no passado sábado, esse sonho desvaneceu-se, quando na companhia do Altino Rio, Carlos Xavier e do Tó Manel, visitei pela enésima vez os míticos lagares, onde pensava eu os mineiros romanos fizeram a lavagem do minério.

Digo míticos, porque sobre este local pairam algumas lendas, como a de que se alguém lá fosse à meia-noite com o livro de S. Cipriano, e na sua leitura se enganasse, lhe aparecia o diabo. Não há memória que alguém lá fosse, mas o livro de S. Cipriano existia em casa do Zé Barroco, no qual eu, talvez por essa superstição, jamais lhe toquei.

Voltando ao passado sábado, e depois do momento alto que foi a apresentação do livro do nosso amigo Manuel Ferrador, lá fomos satisfazer a curiosidade do Tó Manel, agora um especialista em achados arqueológicos, graças aos doutos ensinamentos do Dr. Manuel José Carvalho Martins, mas que era o único que não conhecia os lagares.

Ali chegados o que não é tarefa difícil, pois o caminho é bom, basta andar a pé duas centenas de metros, o Tó Manel desfez logo a minha fantasia romântica sobre os lagares.

- Isto é de vinho! (disse ele) Antigamente toda esta zona era composta de vinhas, e os romanos (aí não me desapontou porque atribui a construção dos lagares aos romanos) pisavam aqui o vinho que depositavam depois nas ânforas, e o transportavam para as suas casas.

Eu continuo com algumas reservas, porque ficando a aldeia ainda longe, e os caminhos na época tão acidentados, presumo que algumas ânforas se terão partido pelo caminho.

Mas claro que tenho que dar crédito aos especialistas, pese embora fosse para mim o desvanecer de um sonho lindo, o de poder ver um dia resplandecer uma pepita de ouro, nos terrenos anexos aos lagares.

Já agora para quem não conhece os lagares e os queira visitar, segue a estrada municipal para norte, até ao Campo Queimado, aí corta à direita para Vila Meã e cem metros depois, de novo à direita, entrando num caminho rural que está bem conservado. Continua nesse caminho para sudeste e cerca de setecentos metros, estaciona o carro, caminhando a pé para nascente apenas uns cento e cinquenta metros. Vá acompanhado de máquina fotográfica e de outros companheiros, não vá o diabo aparecer.

Nuno Santos

sinto-me:
publicado por outeiroseco às 21:11
link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De Lurdes a 13 de Abril de 2012 às 19:57
estou mesmo a ver-te a pisar usavas ahahahaahh.

De leonor.moreira a 13 de Abril de 2012 às 16:08
Vá lá, marca as férias e vamos lá ver os lagares com a amiga Tininha.
Melhor levar lanche ou não?
Dp fazemos assim um teatro..a pisar as uvas e tal...
que dizeis?
E podemos jogar ao esconde tb, ali naquelas covas...
Pronto, já me diverti...
bom fim de semana para todos
leonor morira
Ó Mara, tb podias ir connosco, bah.
De Lurdes a 13 de Abril de 2012 às 14:58
Pois combinem meninas que eu tb quero ir! Eu nunca andei por esses lugares..

Ja tinha ouvido desse tal livro e das historias contadas pelos mais adultos , de arrepiar mesmo. Essas coisas sempre me deram mt medo. Acho que ate ir a esse local dos lagares vou sentir mt medo, acho que vou pensar melhor....Pronto sou uma medericas, anyway avançando...

Agora falando das pics, o Sr. To Manel mt alegre se vê (primeira foto) da a impressao que esta a dançar

Esta tema veio mesmo a calhar, hoje é sexta feira 13!!!

Amigos um otimo dia pra todos(AS)


De leonor.moreira a 13 de Abril de 2012 às 11:57
Amiga Albertina,
O problema é encontrar o sudeste e o noroeste e tal...a menos que saibas exactamente o local.
Será necessário o GPS?
Bem! Parece que há lá chícharos numa terra do Nuno...
Há montões de anos que não como desses, mas em vagem. Ficava a sopa escura, mas era bom. Saudades dos chícharros!
Mas porque razão eles dão erro aqui no meu pc?
TESTE: XÍXARROS!!!! tb dá erro...
abraço
Dp combinamos
leonor moreira
De Lurdes a 13 de Abril de 2012 às 15:03
hey miuda! Cala-te la com o xixarros..eu nem nunca gostei de os comer nem de os ir apanhar..que seca era! Pela hora da cesta arre ..chegava a casa derrangada.

bah mas isto nem vem ao caso...xauxau
De Albertina a 13 de Abril de 2012 às 09:41
Agora entendo a razão destes quatro "meninos" se terem afastado já em final de festa. E eu que pensei que tinham ido visitar alguma "capelinha" recentemente descoberta. Leonor, quando decidires ir fazer esta rota dos lagares, convida-me, que eu, apesar de até trabalhar relativamente perto deles, nunca os visitei. Assim, quem sabe se a nós nos aparece alguma "pepita" de ouro e repatíamo-la como irmãs.
Quanto ao livro, já o vi e estive com ele nas mãos, mas sinceramente, não tive vontade de ler o que nele se narra.
Abraço a todos os amigos do cantinho.
De leonor.moreira a 12 de Abril de 2012 às 23:04
http://mondimmunicipal.no.sapo.pt/prof_dinis.htm

Boa noite amigos!

Sempre tive dificuldade nas questões da orientação e vem agora o Nuno com os pontos colaterais...ahaha está bem. Um dia irei visitar esses lagares.
Já entendi mais ou menos onde ficam esses lagares de vinho, tb eu acho.
Agora do tal livro, melhor não mexer nele, dizem.
Cumps a todos
leonor moreira

Comentar post

.Mais sobre mim

.E-Mail

outeiro_seco@sapo.pt

.Janeiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Posts recentes

. Quem conhece as atletas d...

. Que 2007 traga tudo do me...

. A todos um bom Natal...a ...

. A minha era um pouco mais...

. Faleceu a Srª Eugenia Adr...

. Aleluia... tardou mas che...

. Homenagem aos Outeiroseca...

. Vamos todos aos Santos..a...

. Museu Alberto Sampaio - G...

. Ainda o São Miguel 2016.....

.Links

.Arquivos

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. desporto

. história

. património

. primavera

. aldeia

. cultura

. direitos e deveres

. igreja

. mundo

. todas as tags

.Pesquisar neste blog

 

.As minhas fotos

.Visitas


View My Stats