Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

Lista A para a Casa de Cultura

outeiroseco, 14.12.07

 

Para dar em 1ª mão a informação da única lista candidata às eleições para

os Órgãos Sociais da Casa de Cultura, aqui se mostra o documento afixado

na vitrina da Sede da Associação.

Pela coragem de enfrentar os grandes desafios que esta Colectividade

apresenta e pelas novas pessoas que se disponibilizam, desde já,

a minha consideração e votos dos maiores sucessos.

Seria muito importante que os associados votassem, independentemente do

sentido de voto, para poder, com legitimidade democrática, implementar o

projecto que tem para concretizar.

 Direcção: Presidente - Antonieta Melo; Vice-Pres. - Francisco Pipa;

1ª Secretária –Vanessa Maldonado; 2ª Secretária – Ana Patrícia Santos;

Vogal – Ana Rito Rio; Vogal – André Daniel Santos; Vogal – Vanessa Borges.

Mesa da Assembleia: Presidente – José Carlos Costa; Vice-Presidente – Arsénio Pinto; Secretária – Rosalina Barrocas.

Conselho Fiscal: Presidente – Nuno Afonso; Vogal – Alexandre Fernandes;

Vogal – Bruno Leonardo Rio.

 

 

 

Água, fonte de vida

outeiroseco, 12.12.07

 

O tanque é um dos lugares mais emblemáticos da aldeia.

Não sendo o local original, pois inicialmente situava-se do lado norte, são as lembranças deste ambiente que nos fazem trazer esta foto de novo. É que está para chegar uma água, proveniente do lado oposto, que lhe vai ser concorrência. Pelo menos parece ser de melhor qualidade e mais quantidade.

Para o ano, lá para o mês de Agosto pretende-se fazer brotar água em mais dois locais.

A oferta foi do Arlindo Gonçalves, nosso emigrante em França, que esteve entre nós recentemente.

 

Outeiro Seco vista do céu

outeiroseco, 11.12.07

Área geográfica da freguesia de Outeiro Seco vista em planta.

Agora que o Plano Director Municipal (PDM), que irá organizar o território (Habitações, Escolas, Centros de Dia, …) para os próximos anos, está em discussão, sendo Outeiro Seco particularmente interessado nesta problemática.

Está a decorrer o processo, de tão importante documento, entregue a uma equipa especializada da Faculdade de Engenharia do Porto (FEUP), no qual incorpora estudos já realizados e projectos aprovados (cartas educativas, desportivas e sociais, planos de pormenor, núcleos habitacionais, recomendações da agenda 21,…), propostas de instituições oficiais e particulares e da sociedade civil em geral.

Outeiro Seco, em concreto, está limitado no seu alargamento, pela veiga, pela circular externa (construída e projectada), pelas construções existentes e por zonas de condicionamentos diversos. A cidade vai estender-se até ao ex-estradão (Rua Santa Ana), com  a inclusão da nova zona desportiva, ocupando uma área significativa dos terrenos da freguesia. Esperamos que o perímetro habitacional de Outeiro Seco seja alargado, conforme proposta da Junta de Freguesia, de propostas individuais e das diversas manifestações de apoio das pessoas, conforme aconteceu na última reunião pública na Casa de Cultura.

Vamos continuar a insistir nos argumentos apresentados para que o alargamento possa ser uma realidade na proposta a ser analisada por cerca de 2 0 entidades oficiais.

Mais recursos/melhor ambiente

outeiroseco, 10.12.07

Entre a Junta de Freguesia de Outeiro Seco e o Centro de Emprego de Chaves foi estabelecido um protocolo, o qual prevê a disponibilização de um funcionário, ao abrigo do programa ocupacional, pelo período de 1 ano.

A Junta de Freguesia assume o compromisso de elaborar e executar um plano de intervenção na área ambiental (limpeza, asseio e embelezamento) de toda a freguesia e o pagamento do subsídio de refeição.

É um objectivo perseguido, à algum tempo, que felizmente agora se concretiza. O funcionário será chamado ao Centro de Emprego sempre que lhe seja disponibilizado uma oferta de emprego que, caso aceite, terminará o contrato com a Junta de Freguesia.

Esperamos contar com o Sr Celestino Sousa Ferreira, pelo menos por um ano e que contribua para que a nossa localidade, seja mais bonito e asseada do concelho.

Contamos com a colaboração da população para que acolha bem este nosso funcionário e colabore na limpeza da Freguesia (não deitando lixo para os lugares públicos, separe os diferentes lixos e se possível colabore com o ambiente) demonstrando que Outeiro Seco tem cidadãos de 1ª Qualidade.

 

A População autoriza a venda do campo das Antas

outeiroseco, 09.12.07

 

A Junta de Freguesia convidou a população para dar uma opinião sobre a venda do campo de futebol das Antas.

A reunião teve lugar na Casa de Cultura e na mesa esteve o Presidente da Câmara de Chaves, João Batista, o Presidente da Assembleia de Freguesia, Joaquim Costa, o Presidente da Direcção Mãos Amigas, Manuel Ferrador e o Presidente da Junta de Freguesia, Altino Rio.

A população compareceu em razoável número, que encheu o auditório.

Os membros da mesa apresentavam a justificação da venda do campo de futebol, que reverte a favor da construção do Centro de Dia/noite, tendo o Presidente da Câmara de Chaves assumido o compromisso de construir um novo campo de futebol na Quinta dos Montalvões, de utilização partilhada com os alunos da Ensino Superior da Escola instalada na Quinta dos Montalvões.

Posta à votação a proposta da Junta de Freguesia foi aprovada por maioria, 58 a favor e 3 abstenções.

No final foi servido um Outeiro Seco de Honra, na bar da Associação, para todos os presentes, tendo  o convívio sido animado

 

Reunião População

outeiroseco, 08.12.07

 

Vai decorrer amanhã, Domingo, pelas 15h00, na sede da Junta de Freguesia, uma reunião com a população de Outeiro Seco a convite da Junta de Freguesia de Outeiro Seco.

O assunto a tratar relaciona-se com a venda do campo de futebol de Outeiro Seco, conhecido por “Campo das Antas”.

Este assunto fará parte da ordem de trabalhos da próxima Assembleia de Freguesia, a realizar ainda antes do Natal.

O motivo da venda está relacionada com a nula utilização desportiva e a necessidade de angariar fundos com vista à construção do Centro de Dia/Noite.

O presidente da Câmara Municipal de Chaves, Dr. João Batista, irá estar presente para saber da viabilidade da construção de um novo campo de futebol que satisfaça as necessidades desportivas da população presente e futura.

O convite está feito. Compareça e dê a sua opinião.

A propósito, aqui se mostram algumas fotos de equipas que deram vida a este espaço desportivo. 

 

Chaves 0 - Porto 2

outeiroseco, 07.12.07

Hoje fomos à bola, ver o Chaves-Porto

Outeiro Seco marcou presença e apoiou, naturalmente o nosso glorioso.

O resultado foi um pouco injusto, mas os grandes têm sempre aqueles lances que decidem.

Não esquecer de Domingo , pelas 15h00, ir à Junta de Freguesia para dar uma opinião sobre a venda do "Campo das Antas" (curiosa  a coincidência)

 

 

 

Escola Superior de Enfermagem - mais e melhor

outeiroseco, 06.12.07

O casario de Outeiro Seco espreita os novos desenvolvimentos da Escola Superior de Enfermagem.

Estão em curso negociações para o desenvolvimento deste pólo estudantil esperando-se que o desfecho deste processo seja valorizador das instalações e traga mais valias para o Ensino Superior em Chaves.

Logo que tenhamos notícias, mais seguras, informaremos os visitantes do blog.

 

A Cultura da Memória

outeiroseco, 05.12.07

..Por isso, cada vez mais, a sociedade tem a noção de que, sem o aconchego da identidade e da memória, sem um quadro de referências sólidas e respeitáveis, as novas gerações viverão dramaticamente desamparadas num mundo global complexo, um mundo de errâncias depressivas e angustiantes.

E por isso também, as raízes culturais serão sempre um elemento basilar e estruturador imprescindível.

Extracto do artigo “A cultura da memória” da autoria do Dr Alexandre Parafita, pág. 45, no livro "Um Património Vivo feito por Mãos Amigas".

Esperamos que estas palavras sensibilizem todos os Outeirosecanos, especialmente os mais letrados, para retirem das memórias dos que aqui retratamos e de outros, ainda vivos, os saberes que acumularam ao longo da suas vidas

As memórias e as novas vivências desportivas

outeiroseco, 04.12.07

As conquistas desportivas, ao longo de algumas décadas, guardadas neste armário, constituem o património da Casa de Cultura.

Agora a nossa representação desportiva desempenha mais um papel social, de intercâmbio com outras localidades vizinhas ou em provas pontuais.

Em baixo duas dessas participações, onde a alegria e a boa disposição marcam o sentido das novas vivências.