Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

Projecto do Novo Centro Escolar

outeiroseco, 23.05.08

 
 
O concelho de Chaves dispõe de uma Carta Educativa, discutida e aprovada por todas as entidades locais e homologada pelo Ministério de Educação (foi aprovada no 1º lote de 38 Cartas Educativas), a qual incluiu a reorganização da rede dos estabelecimentos de ensino do Pré-escolar e 1º Ciclo do Concelho.
O administrador deste Blog teve a felicidade de integrar a equipa de estudo desta Carta Educativa, que numa 1ª fase reorganizou um conjunto de estabelecimentos escolares, concentrando os alunos nas designadas Escolas de Acolhimento. A Escola de O. Seco, com mais de 10 alunos, não foi contemplada com a  deslocação  para outro estabelecimento de ensino, com aconteceu com cerca e 40 escolas.
Agora vai avançar a 2ª fase do processo. Para já está em curso o processo da construção do Centro Escolar Santa Cruz/Trindade, a instalar na ex-Cooperativa  das batatas, cuja foto mostra um esquiço. O projecto está concluído, o protocolo com o Estado já foi assinado, sendo considerado um dos mais relevantes deste 1º lote.
Traz-se este tema a público, pois os nossos alunos irão frequentar este Centro Escolar que vai ser construído com todas as comodidades e equipado com as mais modernas tecnologias. Só a titulo de exemplo: uma sala de aulas terá um mini-laboratório, biblioteca, quadro interactivo, 1 computador por cada 2 alunos, numa área de 80 m2… Também sinto muito orgulho em ter estado na génese deste projecto que esperamos em breve ver edificado.
Vamos olhar em frente porque o futuro exige competências e capacidade de relacionamento, criação de redes de saberes e entrar em contacto com o mundo das novas tecnologias, o mais precoce possível.

 

Dia do Corpo de Deus

outeiroseco, 22.05.08

Realizou-se, hoje, em Outeiro Seco, a tradicional missa e procissão do Corpo de Deus. A missa decorreu na Igreja Matriz, às 11h15, seguida de procissão. Esta percorreu a rua Central, foi ao bairro do Papeiro, entrou na ponte principal e recolheu à igreja pelas 12h30. Foi mais uma manifestação religiosa, muito participada pela população. A entrada da igreja estava muito bonita, enfeitada com passadeira de flores, mas também outros locais foram decorados, conforme mostra a fotografia.

Uma Viagem ao Passado

outeiroseco, 20.05.08

 

Hoje fazemos uma viagem ao passado e trazemos uma casa em ruínas, à espera de um habitante que a recupere e faça dela um espaço agradável de se viver.

Em Outeiro Seco existem vários exemplares, alguns já recuperados, mas muitos em elevado estado de degradação.
Mas ainda bem que as memórias ainda existem e como é bom agora rever aquilo que em outros tempos nos era alheio. Corríamos ao rou-rou, jogávamos nos adros e eiras, brincávamos ao “trinque cevada”, ao pião, à brocha, … era um rodopia constante. A canalha era muita, os animais andavam na rua e os carros eram raros.
E estas belezas arquitectónicas não eram para os nosso olhares. Agora que o tempo não volta para trás, fica-nos a recordação da juventude e a admiração destes pormenores que são as marcas ainda vivas dos nossos antepassados.

Uma visita deslumbrante

outeiroseco, 19.05.08

Hoje fomos visitar o amigo Ulisses. Como é agradável uma visita guiada, pelo nosso amigo, a todos os cantos da sua Quinta. É como desfrutar de um autêntico parque biológico. Começamos por ouvir o som das rãs do seu lago, que logo que entrámos  deu lugar ao silêncio, onde habitam centenas de peixinhos. A fazer-lhe companhia tem uma enorme variedade de aves que dão um ambiente fantástico àquela zona. Fora da cerca, as papoilas e diversas flores, dão um colorido deslumbrante, como se pode ver por esta pequena mostra fotográfica. A criação de aves é um dos seus últimos passatempos. A geada não entrou na vinha e se tudo correr como se espera as uvas e o vinho que elas produzirem alegrarão muitas almas. Uma breve entrada na estufa, deu para ver como crescem e são estimadas as flores bonitas que mais tarde irão embelezar os nossos jardins.
Na parte de trás da casa o chilrear dos passarinhos dão vida a um pinhal, bem estimado e que nenhum caçador ou tortulheiro lá tem autorização de entrar. Uma volta completa à casa deu para um visitante se sentir confortável, numa combinação perfeita entre o que a natureza nos oferece e a complementaridade de novos coloridos.
Uma bebida, bem fresquinha, consolou a garganta já seca e retemperar forças para ajudar a resolver os problemas da comunidade.
Levamos cerejas e trouxemos favas, que já foram confeccionadas e fizeram companhia a um naco de carne. Dá gosto ter amigos assim. Outeiro Seco precisava de muitos Ulisses.
Muita saúde e boa disposição também para a esposa, que é uma simpatia e delicadeza.

Estamos nos quartos de final

outeiroseco, 18.05.08

 

 

Parabéns. Grande equipa e grande jogo. Estamos nos quartos de final do 5º Torneio inter-freguesias do concelho de Chaves.
A Equipa de Outeiro Seco depois de ter passado a fase de grupos (ficando em 1º lugar na sua série), venceu, ontem, a equipa de Bustelo por 6 -2. O jogo realizou-se no Pavilhão Municipal de Chaves.
A nossa equipa estava moralizada, quase na máxima força (ausências de alguns atletas com destaque para o Filipe Anjos e Gonçalo Cortiço) e com enorme vontade de ganhar, sob a orientação técnica do Norberto Costa e apoio logístico de Carlos Xavier.
A assistência marcou presença significativa, sendo expectável que comparecessem mais outeirosecanos. Mas em número suficiente para dar muita energia positiva à equipa.
O jogo começou mal com um golo, de livre, muito cedo, da equipa de Bustelo. Um pouco mais tarde verifica-se o empate e antes do intervalo vencíamos por 2-1. Um mal reinício da 2ª conduziu ao empate (2-2). Daí por diante, para além de um pequeno susto, o domínio foi avassalador, com a equipa de Bustelo só a defender e contra-atacar esporadicamente. Os golos começaram a aparecer com naturalidade, quer de livre quer de jogadas muito bonitas, algumas das quais com princípio, meio e fim. Não há destaque para qualquer jogador, tendo todos participado no jogo, pois estiveram em excelente nível. Temos equipa e condições para ir mais longe. Parabéns aos atletas, equipa técnica e organização que, mais uma vez, é uma parceria da Junta de Freguesia com a Casa de Cultura.
Os atletas que participaram no jogo foram: Filipe, Rafael, Paulo Alexandre, David, Ricardo, Bruno, Tiago e João Paulo. Os golos foram marcados por David (2), Paulo Alexandre (1), Rafael (1) , Ricardo (1) e Bruno (1).
No jogo anterior a equipa de Valdanta ganhou por 3-0 a Stº Estêvão.
Assim, o próximo encontro será, em princípio, (temos a informação que Stº Estêvão vai recorrer) com a equipa de Valdanta no dia 31 (Sábado) de Maio, às 21h00, no Pavilhão Municipal de Chaves. Gostávamos de ver mais gente de Outeiro Seco, para dar força aos nossos briosos atletas.
 

Venha hoje ao Pavilhão de Chaves

outeiroseco, 17.05.08

 

 

 

 

 

5º Torneio Futsal Inter-Freguesias
 
 
 
 
Organizado pela Câmara Municipal de Chaves
 
Pavilhão Municipal de Chaves
 
Sábado, 17 de Maio de 2008
 
22h00
 
Outeiro Seco - Bustelo
 
 
Venha Apoiar a nossa Equipa

 

Igreja Românica - alterações na estrutura

outeiroseco, 16.05.08

 

 

Agradecemos ao Blog “Chaves Antiga” a foto e texto, bem como o comentário do amigo Nuno Afonso
“Ora aqui está mais um exemplo de intervenção infeliz, realmente, os nossos monumentos, acabam por ser verdadeiros heróis, porque para chegarem aos nossos dias, tivera, que suportar um pouco de tudo: o desgaste natural/inerente ao tempo, às intempéries, e se calhar, o pior de tudo, as intervenções desastrosas. Neste caso, a Igreja de Nª Srª da Azinheira, um belo exemplar da Arquitectura Românica, felizmente, não foi irreparável, na década de 1940 foi alvo de obras que lhe devolveu a sua traça original à fachada principal.” In Blog de Out. 2007
 
“Como outeirosecano, é com prazer enorme que vejo a igreja da Srª da Azinheira, ex-libris de Outeiro Seco, publicada aqui no Chaves Antiga. Quero dizer que também concordo com o seu comentário. Curiosamente, também em Outeiro Seco, na década de setenta fez-se este tipo de requalificação na capela da Srª da Portela ficando apenas a capela e retirado o cabide. Porém anos mais tarde voltaram a repor o cabide e hoje lá está como pode ser visto no local.” Nuno Afonso
 

Outeiro Seco - Bustelo, Sábado 22h00

outeiroseco, 15.05.08

 

 

É já no próximo Sábado ás 22h00 que Outeiro Seco vai participar no 5º Torneio de Futsal Inter-Freguesias.
É no Pavilhão Municipal de Chaves e a equipa adversária é Bustelo.
Portanto vamos todos apoiar a nossa equipa para passar mais uma etapa do maior torneio de futsal do concelho de Chaves, que começou com 32 equipas e agora apenas estão em competição 16.
Os nossos briosos atletas precisam do seu carinho e apoio.
FORÇA OUTEIRO SECO

 

 

O amor ao Clube

outeiroseco, 14.05.08

 

 

Hoje andamos pelo S, Bernardino I a distribuir o Boletim Informativo da Junta de Freguesia. Deparamos com esta chaminé, pela sua originalidade e simbologia e decidimos colocá-la no post de hoje. Encontrámos esta forma de dar força aos inúmeros benfiquistas que habitam em Outeiro Seco e a deduzir pela chaminé ao proprietário desta vivenda.
Esperamos que o próximo ano tenhamos um Benfica à Benfica para dar mais competitividade ao próximo campeonato e desejar ao Rui Costa muitas felicidades no novo cargo que vai desempenhar.
Quem gostar de chaminés mantemos um blog, no qual incorporamos muitas de Outeiro Seco: se desejar consulte -  chamines.blogs.sapo.pt/
 

 

 

 

Fomos à Rádio Larouco

outeiroseco, 13.05.08

 

 

Ontem, à noite, estivemos na Rádio Larouco, no programa Babélia, da autoria dos pintores Eurico Borges, Carneiro Rodrigues, Mário Lino e Paula Chaves. Falámos do desenvolvimento do concelho, na relação entre a cultura popular e a erudita, e naturalmente de Outeiro Seco – as nossas raízes e organizações que a sustentam e o desenvolvimento harmonioso. Falámos de um projecto de cidadania, que já está em curso, por um conjunto de cidadãos de diferentes quadrantes da sociedade civil que irá apoiar a educação não formal, que é garantida fundamentalmente pelas cerca de 100 organizações do concelho. Ficou prometido um programa sobre esta temática.

O programa é repetido na Quarta e Sábado.

Desta forma procuramos levar a outros públicos a identidade da nossa terra e a opinião sobre o futuro.