Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

Os lugares e as Pessoas

outeiroseco, 21.01.08

Outeiro Seco é constituído pelos lugares e pelas pessoas.

Os lugares fazem o todo da área geográfica. A colocação de uma placa na Rua de Santa Ana, a indicar o início da localidade, gerou alguma perplexidade. O território mantém-se intacto, desde a separação de Santa Cruz, inclui o Bairro S. Bernardino II, Bairro Dili, depósitos da Cocanha, Cabeço, entrada de Vilela Seca, e Vila Meã, Ponte de Vila Verde da Raia, parte da Veiga (lado esquerdo do Tâmega) e placa da Avª do Tâmega.

Não resta dúvida que os maiores investimentos estão já instalados e outros irão ser implementados no nosso território: Escola Superior, Parque Empresaria, Plataforma Logística, Mercado Abastecedor, e brevemente Parque Desportivo da Cidade e Feira do Gado.

As pessoas são a nossa maior riqueza. Cada um com a sua cultura, os seus recursos económicos, a sua maneira de pensar e agir, o respeito pela diferença, a defesa dos valores democráticos, formam uma comunidade que quer respeitar as suas origens, mas quer também estar na 1ª linha do progresso e da modernidade.