Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

António Benedito, um dos heróis da época 40

outeiroseco, 21.04.08

Hoje tive o privilégio de receber em minha casa o Sr António Benedito, outeirosecano de nascença e coração e deu excelentes contributos sobre as memórias do campo de futebol das Antas.

O Sr António é um dos quatro, que está vivo e disponível, da equipa acima representada.

Falou do campo de jogos, do descontentamento do seu pai em praticar futebol, do material que usavam na altura, dos companheiros da sua época, dos jogos com outras equipas e de muitas derivações que ocorrem numa conversa que durou mais de 2 horas.

Tocou forte quando falou da personalidade do Sr Orlando Costa, dos poucos, que na época nada faltava, mas muito generoso e excelente companheiro. Para o Sr Orlando, que o momento é difícil, fica a recordação positiva enquanto conviveu com a juventude de Outeiro Seco

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Nuno Santos 24.04.2008

    Olá amigo Vasco,
    Os atletas desta foto já foram identificados noutro post mas é com todo o prazer que o faço de novo.
    Em cima da esquerda para a direita: Abílio Redes, António André (Risinhas) Ilídio André, Orlando Costa, António Benedito e António Relvas. Em baixo pela mesma ordem: António Roxo, Amadeu, Toninho Silva, Américo Esgueira e Zé Sapateiro.
    De salientar que na baliza o Relvas alternava com o Filipe Anunciação e o lugar do Américo Esgueira era habitualmente utilizado pelo António Caneco.
    Destes atletas só quatro estão vivos, Orlando Costa, António Benedito, Toninho Silva e Américo Esgueira. Dos onze cinco tinham como primeiro nome António.
    Um abraço,
    Nuno Santos
  • Sem imagem de perfil

    vasco rio ferreira 24.04.2008

    Olá Nuno, antes de mais obrigado pelo esclarecimento, apesar de haver nomes que não consigo identificar como é o caso do " Amadeu, Toninho Silva, Américo Esgueira, Abílio Redes, António André Risinhas ). Nem os meus tios Ilídio André e António Relvas conseguia identificar. como é bom recordar estas gentes . Um abraço
    Vasco Rio Ferreira
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.