Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

Outeiro Seco, Tradição e Modernidade

Aldeia transmontana

Final da época Futebolística

outeiroseco, 29.05.07

 

Confesso que para mim não é fácil conviver nos fins de semana dos próximos dois meses, sem o fenómeno desportivo, nomeadamente o futebol.

Apesar de se ouvirem algumas vozes críticas contra este fenómeno desportivo, não há duvida que para a generalidade dos portugueses, o futebol é a sua modalidade preferida. A comprová-lo está o facto de haver 133.000 atletas federados, tantos quantos no conjunto das restantes modalidades, onde se incluem o andebol, o basquetebol e o hóquei patins.

Terminados os campeonatos, é por isso agora um tempo de glória para os vencedores e de reflexão para os vencidos. No campo dos vencedores estão o Porto o Sporting e o Vidago, no dos vencidos, O Benfica e o nosso Chaves.

O Porto, tangencialmente lá foi campeão, o Sporting, com uma equipa de “meninos” ficou em segundo e ganhou a taça de Portugal, o Vidago vem aqui à colação porque ganhando o campeonato regional subiu à terceira divisão nacional e tem um atleta de Outeiro Seco, o Gonçalo Félix.

O Benfica, sendo o maior clube do Mundo como os seus dirigentes gostam de apregoar, não ganhou neste ano qualquer título, pelo menos nas modalidades de maior projecção, mas continua a ser o maior, oxalá que continue assim, o maior, mas sem ganhar títulos.

Quanto ao Chaves, em minha opinião, ficou provada a má opção de se terem mantido na divisão de honra, ao invés de terem disputado a segunda divisão, com um orçamento compatível com as receitas geradas. Infelizmente, mais uma vez o nome da cidade aparece ligada à desonra de não pagar os seus compromissos, o seu nome está incluído na lista dos incumpridores publicada pelo sindicato dos jogadores. Esperamos que de uma vez por todas, os dirigentes do Chaves caiam na real e sigam o exemplo do Sporting, investindo na formação.

Chaves e a região de Trás-os-Montes, sempre foi um alfobre de grandes jogadores, a autarquia em vez de subsídios para vencimentos a jogadores de rendimento duvidoso, deve investir em infra estruturas desportivas, como campos sintéticos e iluminação, para que os jovens possam treinar fora dos horários escolares.

É tempo agora dos jogos entre as aldeias que o nosso velhinho campo das Antas se anime de novo, agora que tem mais condições como balneário e água quente e Outeiro Seco, viva também os seus momentos de glória no futebol tal como os viveu noutros tempos não muito distantes.

As equipas que principais vão agora viver um novo campeonato, é o campeonato das contratações, aí seguramente que o Benfica vai ganhar destacadíssimo, todos os dias virão nas primeiras páginas dos jornais anunciadas novas contratações.

Nuno Santos

 

 

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Nuno Santos 08.06.2007

    Já havia a mão de Deus, a mão do Vata agora há também a mão do Ronny. Não fora esta mentira e teriamos mais uma dobradinha.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.